quarta-feira, 14 de abril de 2010

VOU ALI...

Ia começar esse texto dizendo que me afastarei um pouco daqui porque de repente me vejo sem inspiração. Mas ora! Isso soaria bastante pretensioso, pois indicaria que sou uma poetisa, escritora, alguém cuja inspiração é algo indiscutível.
Então como dizer?

MOTIVAÇÃO: Espécie de energia psicológica ou tensão que põe em movimento o organismo humano. (Michaelis)

É ela, a motivação, ou melhor, a total ausência dela que me fará ficar fora da blogosfera por um tempo que não sei quanto. É inerente a mim, volta e meia tenho que lidar mais de perto com meus fantasmas e confesso que eles andam me assustando bem mais agora, a essa altura da minha vida.

Mas não podia ir sem dizer um tantão de OBRIGADA aos meus amigos que tanto me fizeram crescer com seus comentários ou simplesmente companhia, enquanto eu me inquietava. Graça, Kimbanda, Elaine, Poeta, Doutor, Regina, Lia, Léo, Miguel, Taís, Daniel, Chica, Lu, Fernando, Lu (meu anônimo preferido), Roni (muso inspirador do "Pétala Rosadinha), Cida, Wagnéia, Jaci, Cláudio... perdoem-me se esqueci alguém. Muito obrigada pela generosidade de vocês para com essa alma inquieta que vos escreve.

Então é isso.
Quem sabe a gente se encontra outra vez, num breve amanhã...

Beijos e fiquem bem, amores meus.


Despedida

Por mim, e por vós, e por mais aquilo
que está onde as outras coisas nunca estão,
deixo o mar bravo e o céu tranqüilo:
quero solidão.

Meu caminho é sem marcos nem paisagens.
E como o conheces? - me perguntarão.
- Por não ter palavras, por não ter imagens.
Nenhum inimigo e nenhum irmão.

Que procuras? Tudo. Que desejas? - Nada.
Viajo sozinha com o meu coração.
Não ando perdida, mas desencontrada.
Levo o meu rumo na minha mão.

A memória voou da minha fronte.
Voou meu amor, minha imaginação...
Talvez eu morra antes do horizonte.
Memória, amor e o resto onde estarão?

Deixo aqui meu corpo, entre o sol e a terra.
(Beijo-te, corpo meu, todo desilusão!
Estandarte triste de uma estranha guerra...)
Quero solidão.


(Cecília Meireles)

10 comentários:

  1. Olá Pétala Rosadinha, querida amiga.
    Que dizer, se por razões que me escaparam, tive durante um tempinho desaparecido.
    Espero que mesmo não postando, nos visites quando a saudade apertar.
    A tua presença sempre amável quando nos visitas e acolhedora aqui neste teu abrigo, vai concerteza fazer-nos muita falta.
    Terás as tuas razões e como tal válidas, quem soou eu para questionar.
    Já tenho saudades ao me despedir deixando o meu kandando amigo e sincero, espero pela teu regresso para nos alegrares pétala a pétala...

    ResponderExcluir
  2. Deves saber o que te fará bem...Te aguardaremos e tão logo voltes, estaremos por aqui novamente,tá? Promete que ficas bem? Te comporta? rsrsrsbeijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Que posso dizer senão que vou sentir saudades? Percebo essa falta de inspiração, porque era esse o sentimento de cada vez que aqui vim, onde a tua escrita sempre me inspirou. Espero que reencontres essa motivação, mas principalmente que sejas muito feliz. Se e quando voltares, estaremos por cá, sempre com muita amizade.

    ResponderExcluir
  4. Hum... invejososa! quer ficar anônima também, né??
    Mas vc não vai aguentar o anonimato e voltará, breve esperamos, para que nos deleitemos com as palavras vazadas de uma alma inquieta, e por isso, intensa... beijos e te cuida! Estamos esperando que a Memem volte..
    Do anônimo, não mais tão anônimo assim...

    ResponderExcluir
  5. Ah mulé... não acredito... faltou inspiração pra tu foi? e o que digo agora pro povo? já havia montado um fã clube... sniff... e eu toda orgulhosa dizendo aos quatro cantos o orgulho de ter uma escritora na família... rsrsr... hummm... bote mais letrinhas na cabeça, vai... quero v tu de novo toda orgulhosa desse "filho" que tu cuidou com tanto carinho e orgulho dele... volta vai...
    Amooooootu sempre
    Bjoss

    ResponderExcluir
  6. A gente sempre tem que saber a hora de parar. Acho que todo mundo sente essa necessidade no mundo dos blogs, acho que esse teu momento foi até cedo, eu levei um ano pra dar uma paradinha...

    De qualquer forma, aproveite esse tempo longe daqui pra pensar sobre a vida, pra refletir sobre esse mundo aqui...

    Beijão.


    PS: Melhorou?

    ResponderExcluir
  7. Aguardaremos ansiosos teu retorno!

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  8. Sim, amiga que aprendi a amar!!!

    Sei que sabes o que fazes, para que fazes, e por quanto tempo o farás...

    Obrigada por TUUUUUUUDO!!
    Aguardarei ansiosa teu retorno, visse?

    andei ausente por nobres motivos: estava em missões, mas esse é um assunto para quando tu voltares!

    Beijos e abraços, e me perdoe as 'brincadeiras carinhosas' de sempre...
    Sentirei saudade.

    ResponderExcluir
  9. Oie! Voltei! Tudo bem mocinha?Obrigada por ter me citado,você sempre tão gentil e carinhosa. Eu passo dias sem inspiração,é normal.
    Você faz muita falta viu! Tudo que escreve é muito bom de se ler e vir aqui é uma delícia. Volte logo heim! Montão de bjs e abraços repletos de ternura.

    ResponderExcluir
  10. Ah nemmmmmm....eu volto e vc vai??? Pode parar com isso...vamos, vamos, vamos....Além do que deixei um mimo procê lá no Divã!!! Vai me fazer essa DESFEITA???? Volta já!!!! É O-R-D-E-M rsrsrs Cumé que vou fazer sem essa Pétala no nosso DIVÃ????
    Beijuuss n.c.

    www.toforatodentro.blogspot.com

    ResponderExcluir