quarta-feira, 15 de setembro de 2010

CARTA AO PRESIDENTE

Arapiraca, 15 de setembro de 2010 

Senhor Presidente, como vai?

Quem diria, heim? Tantos anos se passaram desde 1989 e eis o Senhor aqui, findando seu segundo mandato.
Ah, não ralhe comigo por não estar lhe chamando de Vossa Excelência, por favor! É que eu criei no meu imaginário uma intimidade tão grande contigo, em conseqüência da minha torcida que sempre foi gigante por ti, que agora me sinto no direito de tratá-lo por você, afinal, havia uma sintonia tão bacaninha entre nós... Pelo menos assim eu pensava.
Sabe, Lula. A tua história de vida me fascinava, suas palavras me soavam como leis. Em função disso criei um laço ideológico com o seu partido... Aquele da estrelinha, aquele do povo que guarda dinheiro em meias, cuecas. Pelo que se pode perceber eles guardam dinheiro em tudo quanto é canto, menos no lugar apropriado: os cofres públicos. Mas esse fascínio burro foi se apagando aos poucos, feito um teatro quando cai o pano, acaba-se a magia. Até tentei não encarar a realidade, mas estava evidente que você não era o mesmo cara que eu havia torcido numa insensatez desmedida, definitivamente não era! E a cada dia eu via menos do governo que você me prometeu, uma gestão livre das amarras tradicionais, livres dos 300 picaretas do Congresso. No meu imaginário eu até cogitava a possibilidade da sua gestão não dar certo, mas jamais em função de corrupção. Por mim você teria se chamado Luís Inácio Transparência da Silva. E a cada notícia que desabonava a idoneidade do seu partido, minha ideologia murchava, se escondia envergonhada por ter sempre acreditado em algo que não existiu. E o encanto foi se perdendo, até que você passou a se chamar Luis Inácio “Eu Não Sabia” da Silva. Fiquei sem entender porque agora todos aqueles caras que você considerava desonestos, incapazes, reacionários, agora estão do seu lado, e vice-versa. Admiro sua generosidade... Os perdoou, né?
Mas depois mudei meu ponto de vista, adquiri um jeito menos infantil de perceber a política nacional, enfim. Lula, querido. Meu pai sempre me falava sobre a importância de “ensinar a pescar, ao invés de oferecer o peixe”... Não era assim que deveria funcionar também numa administração pública? Ou seja, porque ao invés de agraciar o povo com a Bolsa Família, você não tentou de fato criar oportunidades de emprego pra população? Até entendo que esse programa auxilie famílias realmente carentes, como as do sertão nordestino, que não vêem horizonte algum. Mas do jeito que se desenhou a coisa, tá muito esquisito. Você virou pai desse povo, Lula? Você os agrada e os poupa de ter trabalho em questionar?
Presidente, imagino que não saiba... Agora em período pré-eleitoral, você sabia que não se consegue coisa alguma do sistema de saúde? Sabia que todos os exames somem feito fumaça? Claro que não, né? As pessoas teimam em te esconder as coisas, não acho isso certo.
Ah, eu andei escutando que agora você vai nos entregar aos cuidados de uma mãe. Bacana isso! Mas porque mãe? Se for uma mandatária decente já está de bom tamanho, não acha? Tem cara de brava aquela moça, né? Tenho medinho dela. Não vou votar nela... Ainda não sei em quem votar... Mas tomara que ela pelo menos não seja hipertensa e as pessoinhas não tenham medo de lhe dar informações que
alavanquem sua pressão. Por que no fundo, no fundo, sei que foi esse o motivo de nunca terem te contado nada, tinham medo da sua pressão subir.
Bom, como sei que o seu Aerolula deve estar a postos, a fim de te levar a algum estado para dizer que a moça é Lula outra vez, não quero lhe atrapalhar por causa dessa missiva tola.

Boa viagem, Presidente!

Ah, esqueci de perguntar.
Agora você vai voltar a ser metalúrgico? Vai viajar mundo a fora dando palestras sobre a incrível história do operário que se tornou “o cara”?

Dê-me notícias!
Abraços.

15 comentários:

  1. UAU!!!! Tô começando a reconsiderar se quero mesmo que sua Vê vá pro espaço...que meda de junto dela ir essa escrita fantástica...Isso num vai acontecer de jeito nenhum, de nenhum um jeito, né? Já mandou prá toda a mídia? Prá ele carece nauuummm! Prá esse ladim agri de ser, euzinha aplaudo e peço bis!!! Êita que essa minina-ternura é danada de boa, sô!!!! Inté miorei dos humor um cadim rsrs
    Beijuuss n.c.

    www.toforatodentro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. " Querida Vê,"
    " você me desopila."
    " Abraços, FI."

    - Ôpa! parece que andei cochilando e o Fi se aproveitou... mas, moça, seu senso de humor desopila qualquer fígado! Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkk....boa...não estava esperando uma carta dessa...gostei!

    beijo

    ResponderExcluir
  4. Olá, Milene!
    Ótima carta! Assim como você, também gostaria de saber o provável destino do futuro ex-presidente: metalúrgico (está aposentado devido ao acidente com o dedo) ou viajante? Quem sabe um cargo de ministro no "futuro novo governo"?
    Abçs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  5. Seu talento nato ao cinismo é que mais me fascina...rs A carta é perfeita, leio suas palavras uma por a uma, elas escorrem pelos meus olhos e tiram sempre dos meus lábios sorrisos de orgulho de tê-la como amiga, além de ídola! ( exageros nos caem muito bem..rs )
    Bjs, Milikitinha!

    ResponderExcluir
  6. Milene...

    Adorei a sua carta-protesto-mensagem ao presidente
    Lula "Viajando Eu não sabia mesmo de jeito nenhum"...da Silva!!!

    Mas repare...será que de dentro do seu possante Aerolula nosso querido presidente vai conseguir encontrar a sua garrafa com a sua mensagem? Sim, já que ele não vê e não enxerga,nunca, absolutamente nada...

    Acho que talvez um pombo, ou melhor ainda, uma águia-correio que é pra pra dar de topa com o bico na aeronave, seria o mais ideal...rs

    De qualquer forma vou torcer muuuuito pra ele receber tua carta, viu? Se Deus quiser, ele vai receber...

    E vc ainda vai se emocionar com a cortesia de um feedback que vai te fazer se sentir uma verdadeira 'cidadã orgulhosa' por ser brasileira, saltitante por viver em uma democracia de causar inveja a qualquer outro país desse mundão de Deus...

    Beijos, amiga!

    Parabéns pelo humor maravilhoso que tens.

    ResponderExcluir
  7. Faço minhas cada palavra desse magnífico texto, parabéns pelo senso de humor e pela indiganação. Tem uma proposta que quero que vcê leia lá no Sub Mundo. Bjus.

    http://submundosemmim.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá Moça.

    Perfeito, perfeito, mil vezes perfeito.

    É uma pena que as pessoas tem memória curta, mensalão alguém lembra dele.

    Abraços moça, eu também não voto nela não, a ficha dessa candidata é longa.

    ResponderExcluir
  9. "A amizade sempre será primordial na vida e no relacionamento entre os seres" Paz e harmonia e um bom final de semana.

    forte abraço

    C@urosa

    ResponderExcluir
  10. Simplesmente fantástica tua carta ao nosso presidente...Genial.

    Será que ele responderia??

    um beijo,lindo domingo,chica

    ResponderExcluir
  11. Amigaaaaaaa

    Tenho mais scraps...

    Help, venha ver, please!rs

    ResponderExcluir
  12. Olá terna e bem humorada amiga.
    Não posso de jeito algum tecer considerações sobre politica que desconheço, mas posso sim te dizer a minha humilde opinião sobre tua escrita: Alguém já alvitrou e seria bem merecida uma coluna em qualquer media que se preze disso, pois está na cara que é um tremendo desperdício esta excelente crónica não ser lida por uns milhões que a deveriam ler e ficarem conscientes, da tua "inquietude" e a de muita gente com certeza!!!
    Um óptimo domingo com muita paz, eu daqui levo um cadim desse teu bom humor se não te importares e deixo em kandandos a minha admiração e amizade.

    ResponderExcluir
  13. Oi Mi, muito bem delineada sua carta ao Lulalá! Vc é cronista por excelencia, minha querida! De fácil leitura, tua mensagem prende a atenção do leitor. Característica essa, de um bom escritor.

    Parabéns linda, gostei imeãonso do texto (com leves alfinetadas de bom humor e vê se acorda Presidente!


    Bjão da Lu

    ResponderExcluir
  14. Na mosca..pensa como eu...eu usei estrelinha no peito..chorei no dia da posse (só da primeira)..e agora to eu ..órfã de presidente...com vontade de chorar..mas de raiva...

    beijocas
    Loisane

    ResponderExcluir