sábado, 4 de setembro de 2010

SEM MUITO ASSUNTO...

Vivendo meu momento DESinspirado, a saudade do meu cantinho se apoderou do meu ser, Então resolvi vir regar meu canteiro de rosas, checar se está tudo em ordem, abrir as janelas pra entrar um ar puro... e sossegar um pouco minha inquietude. Não que eu tenha sido a pessoa mais inspirada aqui do quarteirão onde moro, mas tinha lá minhas armas em forma de palavras. Palavras minhas, emprestadas, jamais furtadas. Acho que elas resolveram se rebelar, fugiram todas! Me deixaram aqui, um tanto vazia, com a sensação de ter me perdido um pouco e sinceramente não tenho idéia de onde me busco.Ai, quanto drama! A questão é que em função dessa minha DESinspiração resolvi vir aqui socializar meu momento agridoce, afinal amigos compartilham todos os momentos, estou certa? Agora que descobri essa palavra não vejo outra definição mais perfeita pra mim. Depois mandarei os royalts do negócio pra Simone, antes dela eu me achava chata pra dedéu, outras horas bacaninha. Agora sei que sou agridoce. Uau!!!O problema é que a coisa não está muito equilibrada. A porção “agro” está numa luta incansável pra superar a porção “doce”. Façam suas apostas, caros amigos!DESestimulada, DESinspirada, DESassossegada...É hora de ir.Mas as luzes ficarão acesas, a porta sempre aberta pra vocês entrarem quando quiserem, além de uma música linda (sob o meu conceito, é óbvio), que descobri totalmente por acaso e me apaixonei. Assim esse post ganha um pouco de sentido. Está certamente entre as músicas que mais gosto. Espero que apreciem, quem ainda não conhece.Não vão desistir de euzinha, né? Ah, por favor, não! Beijos!

13 comentários:

  1. Imagine você inspirada minha amiga!
    Lindo texto! PARABENS!

    ResponderExcluir
  2. Pétala, em norma é nos momentos menos bons que começa a fermentar algo novo, a tal inspiração. E, sem se dar conta, escreveu um texto muito bacana, onde se cruzam diversos conceitos que fazem parte do nosso caminhar.
    Sabe uma coisa? Eu gosto do agridoce, gosto mesmo!

    Beijo :)

    ResponderExcluir
  3. - Eu já tinha um título para minha próxima matéria: "Falta de Assunto". Parece um caso clássico de telepatia (que minha saudosa mãe chamava ironicamente de "transmimento de pensação"). Mas minha desinspiração parece ser mais profunda que a sua... você pelo menos tem o doce para equilibrar seu agri, enquanto o meu doce deu uma saidinha (não sei pra onde) e me deixou só com meu agri.
    - Que bela música! casa perfeitamente com seu lindo texto!
    - Parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Falaste tudo, exatamente como te sentes e isso não é pra qq um conseguir expressar assim.

    Espero que fiques bem , te animes e te esperamos sempre!beijos,lindo fds,chica

    ResponderExcluir
  5. Oi linda!
    Cá estou eu colhendo as flores que lanças mesmo na falta de inspiração( o que discordo...rs).
    Beijo!

    ResponderExcluir
  6. Isto é sem inspiração,agora imagina inspirada!

    Beijinho minha querida.

    ResponderExcluir
  7. DES-ISISTIR de você??? Só se for de jeito nenhum... de nenhum jeito! Inda bem que andei fazendo TOC-TOC_TOC nesse Perfume... Fui respondida com pétalas genuínas de "ISISTÊNCIA"!!!
    Beijuuss, amigamada, n.c.

    www.toforatodentro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá, Pétala!
    Queria eu ter/ser disinspirado assim! Tomara que continue sem inspiração por muitos e muitos e muitos anos, pra florescer a blogosfera e nossas vidas!
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  9. Não seremos todos por vezes agrídoces? Também tenho andado assim, mas é nestes momentos que a inspiração pela escrita parece tomar conta de mim, pelo que por vezes já começo a vê-la com outros olhos, não muito amistosos. Concordo com o que li acima, sobre a sua desinpiração tão inspirada a colorir ainda mais este belo jardim que você plantou. Desejo tudo de bom, agarre-se à escrita se ela ajuda da mesma forma como faz comigo, agarre-se ao que faz bem, ao que procura, aos sonhos, à vida. Caímos tantas e tantas vezes atrás da felicidade, mas a vida não é nada a partir do momento em que nos dermos por vencidos.

    ResponderExcluir
  10. Amiga...

    Nesses teus momento de 'agridoçura' procuro entrar tb no meu silêncio para respeitar-te muito, viu?
    Claro, fico aqui na torcida te desejando tudo de melhor, pois sei que todos somos de fases, altos e baixos, e todas essas coisas que não nos deixam, como seres humanos que somos, ser inteiros sempre, em todos os sentidos.
    Vc é uma grande garota, uma grande mulher, um ser humano especial para Deus!
    E olha,não te preocupes conosco, te amamos de qquer jeito...rs (acho que já afirmei isso...)

    Beijosss, Pétala!

    ResponderExcluir
  11. Olá moça!

    Imagine quando vc tiver assunto aí nem segura...rsrs.

    Desistir? Nunca viciei nesse espaço, sinto até falta quando vc fica um certo tempo sem posta.

    Ah! Já comporu o novo CD do Djavan? Eu vou comprar o meu essa semana para vc que fã dele como eu acesse esse site
    http://www.culturabrasil.com.br/entrevistas/djavan-de-volta-aos-bares-e-nights-clubs-4
    aqui ele fala sobre o novo CD e o melhor ele cantas as novas música

    Abraços! E um ótimo feriadão

    ResponderExcluir
  12. Oi, Pétala,

    Desculpe-me não ter feito um comentário com vc sobre o nosso querido Hod.
    Mas eu pensei que já estivesse sabendo, por isso não mencionei.

    Beijos, está doendo bastante.

    ResponderExcluir
  13. Oh amiga agridoce... sua desinspiração me fez lembrar de uns dias que andei desmotivado, e depois fui doutrinado melhor por meus amigos blogueiros de que meu estado não era de desmotivação, mas sim de desinteresse por algo... você também esteve lá, e agora estou aqui para dar-te o meu estímulo pessoal.

    Quero receitar um filme para dar um UP nas idéias: "A lista da bota" (é o nome dele do original), ou "Antes de partir" (é o nome aqui no Brasil. É simplesmente divertido e lindo, e não há quem não saia transformado, com um novo sentimento dentro de si... muito inspirador, rsrsrs.

    Grande abraço!
    Aproveite bem o feriadão!!
    Adriano Berger

    ResponderExcluir