segunda-feira, 11 de outubro de 2010

COMO GAROTAS SÓ QUEREM SE DIVERTIR

Eu precisava escrever frivolidades. Uma nuvem negra gigante (nuvem negra é politicamente incorreto?) pairava sobre minha cabeça e o texto que escrevia trazia essa nuvem consigo. Vivendo um dia rock’n roll, fui ouvir músicas adequadas para tal clima e me deparei com Cindy Lauper infiltrada no meio dos roqueiros dos anos 80. Toquei Girls Just Wanna Have Fun. Que massa! Voltei a 1984, numa certa tarde de domingo, com minha sala cheia de gente (muito dos quais eu nem conhecia,trazidos por amigos) e o povo dançando essa música. Eu adorava. Acho que foi a primeira canção que me fez dançar com a alma, de olhos fechados, fazendo grandes viagens.Era meu aniversário de 15 anos, um debut sem pompa nenhuma, porque eu não tinha grana e principalmente porque sempre achei isso esquisito. Formalidades são esquisitas. Mas não consegui escapar do discurso do Titio, para meu total constrangimento e cara de “esse-sujeito-é-sem-noção” dos meus amigos diante da verbalização. Ele dizia o quanto eu era incrível e encantadora, uma coisa fofa, enquanto eu ia murchando e ruborizando ao mesmo tempo.Passados esses dois séculos e meio de fala constrangedora, finalizou tocando Pétala em minha homenagem. Se redimiu lindamente, o Titio querido, tadinho. Entre lágrimas de emoção e sorriso encabulado, seguiu-se a festança ao som de Cindy Lauper e outras coisinhas bacaninhas. O garoto da escola, minha paixão platônica, lá estava, lindo e metido como sempre. Não me deu muita bola, o sujeito! Tomei vodka com fanta (argh!!!) pra caramba nesse dia. Acho que debutei inclusive pro mundo dos ébrios. Mas me recuperei a tempo, aquietem-se.Aliás, no domingo de votação eu  encontrei e foi engraçado ver esse antigo projeto de gente que feriu meu pobre e inquieto coraçãozinho.. Trocamos olhares. Está charmoso, grisalho, barrigudinho (bem feito!), carregando uma filhinha a tiracolo.Eita tempo que não perdoa! Bom, o fato é que esta música é um dos elementos que compõe a trilha sonora da minha vida. Me apoderei dela. Minha porção Ploc pulsa ao ouvi-la. Recordações bacanas me vieram agora... E continuo dançando loucamente com a alma! Frivolidades consumadas, vou-me, com a alma mais leve certamente, ainda que um tanto cansada pela dança.

Obrigada por dançarem comigo.


16 comentários:

  1. Olá Moça.

    Sempre é bom relembrar o passado, não tem jeito sempre bate aquela saudade. Mas lembranças ficam guardadas num lugar importante, no coração.

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. E como dizem, recordar é viver!
    Cindy Lauper ditou o rítmo.
    Um abraço minha querida, e obrigado pela visita.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. - Pesadas e negras nuvens, eu vos esconjuro!
    - Deixai brilhar meu pequenino raio de sol!
    - Afastai-vos desta alma dançarina e inquieta!
    - Ou eu vos derreterei em lágrimas agridoces e pérolas azuis para ornamentar seus lindos textos!

    - Assinado: o bruxo de plantão,
    - Oflodor Sassevasá.

    ResponderExcluir
  4. Olá, Milene!
    Foi mais do que um prazer dançar com você, foi uma Honra!!!
    Bjs!
    Rike.
    P.s.: podemos dançar mais uma vez?

    ResponderExcluir
  5. Mi,

    Esse 'Patinho Feio" do rock encantou e encantará ainda por muuuuuuuuuuuoto tempo!!!!

    Beijios!

    Uma postagem inesquecível!!!

    ResponderExcluir
  6. Ai ai ai... que delícia de narrativa esta!? Estive lá com vc nesse debut, de tão real a descrição. O tio no discurso, o amor platônico da adolescencia, o primeiro gole ardido (kkkk) e as emoções aflorando e a música de pano de fundo completando a cena. QUE LINDO!!

    São momentos/fragmentos amiga, que marcam nossa existência.

    Parabéns pelo texto que encantou.

    supermegabeijo caríssima!

    LU C.

    ResponderExcluir
  7. dancei muito também...em mil novecentos e bolinhas e agora com voce...obrigada pela doce lembrança


    beijocas


    Loisane

    ResponderExcluir
  8. Boa escolha, essa, o "tema de Milene".
    Naquela época, eu achava a espevitadinha Cyndi Lauper um páreo à altura para Madonna!
    E esta música também é uma das minhas preferidas.
    Valeu pela "sessão nostalgia"!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  9. kkkk... eu fui a Cindy Lauper na prova do cursinho de inglês, a turma cantou WE ARE THE WORLD e eu : Well, well, well, well let us realize that a change can only come....rs

    Tempo bom!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Olá minha cara amiga Milene, se a frivolidade nos traz momentos prazerosos, felicidade e alegria, tá valendo! E muita música de qualidade também.

    Paz e harmonia em seus dias

    forte abraço

    C@urosa

    ResponderExcluir
  11. O prazer da dança foi meu .

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  12. Estou a escrever o comentário ao som da Cindi. Mas deixo de escrever e danço. É melhor assim...

    Beijo :)

    ResponderExcluir
  13. Os gloriosos anos 80 marcaram sobremaneira a minha educação musical, com Cindy Lauper, Phil Collins e tantos outros que a memória não deixa esquecer e que de cada vez que os ouvimos lá vem aquela nostalgia gostosa. Foi também por essa altura que comecei a alimentar o meu gosto pela escrita, numa época quase toda ela pintada de esperança e cheia de vida. Bateu saudade com este seu post. Em troca das boas sensações e pela amizade de sempre deixo uma lembrança no Lado B. Bjs e espero que a dança tenha sacudido para longe essas nuvens negras.

    ResponderExcluir
  14. Fia... criemos dois cenários... no primeiro eu estava lá... dezesseis anos e a cabeça que eu tinha (?) na época... o que eu faria? alguma coisa bem FDm, tipo ficar com ar metido e agarrar na vokca com fanta até dar vexame... mas no cenário dois, eu tb estava lá,,, dezesseis anos, mas com a cabeça que tenho (?) agora... sabe o que eu faria? Ia dançar com vc, literalmente, nem que fosse carregada em meu colo... e não diga que eu não aguentaria, que te xingo! Fiquemos com o cenário dois pra celebrar a amizade...
    beijos anônimos.....

    ResponderExcluir
  15. "A incorporação foi desativada mediante solicitação" ...quando digo que essa coisa tem vida própria, ninguém me dá ouvidos! Tudo bem, tem importância nauuuummmm...já dancei, já cantei e com isso tenho certeza que ajudei a dissipar essa tal nuvem daí...
    Beijuuss n.c.

    www.toforatodentro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Pense numa pessoa que dança esta música feito louca nas festas dos anos 80 em Belzonte!!!!!!
    Bjs.

    ResponderExcluir