quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Venha cá, me abrace, oxente!



Os temas andaram escassos por aqui. Envolta numa tristezinha doída, guardei as palavras no fundo da minha gaveta bagunçada até ter vontade de tirá-las do castigo. Então agora posto-me aqui, peito escancarado, fazendo valer o máximo da inseparável pieguice, a fim de me derramar em amores, como tantas vezes fiz.
Sim, estou sendo repetitiva. Esmiucei tanto esse tema que acaba por perder a graça e ainda assim não me canso.
Não vejo outra forma de dizer aos que me cuidam por meio dessa tela fria, o quanto lhes sou grata. Percebo que pegam um pouco da minha tristeza, mostrando como amigos de verdade fazem, compartilham inclusive as dores. Principalmente as dores.
E é reconfortante.
Esses dias chorei, não de tristeza, lendo Regina escrevendo palavras de esperança aos amigos, citando a minina ternura dela especialmente. Lágrimas e sorrisos se misturaram.
Hoje, outra vez sucumbi à emoção e chorei lagriminhas de contentamento, ao ler o que a minha Lois escreveu pra mim, com a clara intenção de me dar colo e dizer que tudo há de ficar bem.
Sei que vai.
Esperarei.
E será breve essa espera.
E será mais fácil porque tenho ao meu lado, confortaveizinhos no meu coração pessoas que me devotam amor da forma mais singela, sublime, pessoas que fazem menos tempestuosa a travessia.
Hei de falar por toda a minha vida sobre amizade e nem sei se serei capaz de dizer tudo. Gosto dos vários ingredientes que a compõe. Quero o doce, o amargo, o ácido. Gosto do afago, da bronca, do desaforo. Adoro o melindre, o afeto, o bico desnecessário. Ralhem, falem, cantem... Se desencontrem de mim. Me achem novamente e jamais me percam. Digam poesias. Me digam nada, apenas sorriam. Estejam sempre comigo como, mandando às favas a falsa modéstia, sei que gostam de estar. Isso me faz grande, blindada contra as amarguras e forte o suficiente para contornar as tormentas.

Venham cá, me abracem, me deixem dizer OBRIGADA, oxente!

14 comentários:

  1. Di nada oxente hehehehe, pode contar com a gente linda, no que a galera que te adora poder te ajudar vamos ajudar com certeza, um beijão.

    ResponderExcluir
  2. Ainda bem que consigo controlar minhas sindromes!
    Se não teria um ataque aqui e nem teria ninguém
    pra cuidar do roxiche agUda!
    Mas tudo bem, coloco ela debaixo do travesseiro
    e digo. Que lindo esse seu bem querer...
    E como palavreia bonito essa bem'querência por quem ama...

    eU adoro essas moças ai citadas e ah vc claro!

    Então deixo meu carinho, meu bem querer roxinho,e meu abraço as três rssrsrs...

    ResponderExcluir
  3. MILENE...LENDO O POST DA REGINA SOBRE ESPRANÇA EU TAMBEM ME EMOCIONEI...ACHO LINDO COMO ELA TE CHAMA DE MININA TERNURA....E ASSIM QUE VEJO VOCE TAMBEM...MAS EU SINTO QUE VOCE MERECE MESMO TODO CARINHO NOSSO...EU QUANDO VENHO AQUI AS VEZES SINTO MEU CORAÇÃO SABE?ADORO SEUS POSTS...QUANDO ESTA FELIZ ADORO SUAS HISTORINHAS COMO AMENINA QUE NÃO MORREU QUE AINDA HEI DE VER EM UM LIVRO QUE SERA AUTOGRAFADO PRA MIM...ADORO SENTIR SEUS SENTIMENTOS DAQUI DE LONGE MUITO LONGE ONDE ESTOU...O QUE EU POSSO DIZER A TODOS QUE HOMENGEIAM VOCE..ELES ESTÃO CERTOS..VOCE MERECE MESMO SER ACARINHADA POR TODOS NÓS...E TENHA CERTZA MENINA..TUDO VAI PASSAR . OBRIGADA VOCE POR IR LA NO DMPM...FICO SEMPRE FELIZ COM SUA PRESENÇA POR LA...E OLHA OXENTE..EU GOSTO MUITO DE VOCE MENINA..FICA TRISTE NÃO!! FICA FELIZ..

    COMO DIZIA MEU AVOZINHO DE 100 AN ANOS QUE SE FOI SEMANA PASSADA.."""TA CA PESTE ESSA TRISTEZA HOMI !""" SRSR SRSRS BEIJOS BEIJOS ...

    OTILIA

    ResponderExcluir
  4. Desejo que estjas melhor e que fiques totalmente bem.De coração é o que desejo!b beijos,lindo dia e fica bem!chica

    ResponderExcluir
  5. Mememmmmm...

    tem dois bracinhos prontos aqui pra te deixar sempre roxa de tanto abraçar...

    amo-te

    beijocas

    ResponderExcluir
  6. Galeguinha preocupada, se o seu problema é falta de abraços, aqui vai o meu, bem sincero e apertado, tá?
    Mais abraços!

    ResponderExcluir
  7. Tome vários abraços e não precisa dizer obrigada.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  8. - Você é um ímã, Milene... um ímã não merece os pregos que se grudam nele.
    - Mas tem que guentar...
    - Você tem que guentar abraços, carinhos, afetos, beijos, afagos... você tem que guentar a bem-querência, a amizade e o amor.
    - Culpa sua... ou de quem fez você assim...
    - Minha querida imãzinha, irmãzinha, bruxinha, menininha...
    - Inda bem que seu coração não tem temanho... porque o nosso bem-querer também não tem.
    - Oxente!

    ResponderExcluir
  9. Olá, Milene!
    Estou de braços e coração aberto pra abraçar você - sempre!
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
  10. Olá minha querida amiga Milene Lima, que escassez que nada, aqui tem muita qualidade, sensibilidade e puro sentimento, bom ler seus texto e então,

    um forte abraço

    C@urosa

    ResponderExcluir
  11. Hum...eu disse pra madrisogra...eu bem que avisei...mimagem em excesso iria deixar vc - insuportavelmente - ME-LA-DA!!! Como sempre apostei no seu lado doce de ser me sinto assim, como poderia dizer? Hum... Vitoriosa. E vou lhe dizer mais: a nossa primeira Pétala Rosadinha a gente nunca esquece...mesmo quando ela faz trocentas coisas ao mesmo tempo deixando a gente quiném um quatro de paus, dependurada, no msn...rsrs A gente nunca esquece e tá presa naquele lugar especial da alma!!!
    Beijuuss, meladinhos de amor por ti, n.c.

    ResponderExcluir
  12. Ai que seria de mim se a sua pieguice...se a sua pessoalidade ... sem nossas brigas, como sabemos delas,e sabemos de um monte de coisa que nem ouso escrever aqui, para não queimar teu filme ..rs

    Vem cá meu bem que é bom viver e de abraços eu gosto e tenho todos para voce minha galeguinha dengosa.
    Bjs... Te amo... até a próxima treta.

    ResponderExcluir
  13. Oi querida Milene!
    Que beleza vc nos proporciona com seus escritos.
    Adorei!

    Um beijão

    ResponderExcluir
  14. Um abraço, onde nossos corações ficam bem próximos para o meu dizer ao seu...PAZ...tudo dará certo.
    Um abraço onde o silencio do seu ouvirá o meu te dizer: está vendo? quantos amigos te querem bem?
    Um abraço, onde nem precisamos falar nada, somente sentir a emoção que se passa, nesse gesto tão amigo e tão profundo, de duas pessoas que se gostam.
    Um abraço simplesmente...por que te gosto e te quero bem.
    Uma noite linda.
    Um abraço e um afago, sempre.

    ResponderExcluir