quarta-feira, 26 de outubro de 2011

SOBRE A POLÍTICA E OUTRAS DESIMPORTÂNCIAS

Hoje é dia de paralisação nacional dos servidores da educação. Liguei dias atrás pro sindicato para confirmar se eu ia mesmo poder me separar do despertador nesta data, a moça disse que sim, haveria a paralisação em todo o Brasil com o intuito de promover a reflexão acerca das questões inerentes à educação, como por exemplo, o piso salarial. “Pode deixar, vou refletir bastante”, respondi toda serelepe. Refleti na minha cama até as dez da manhã. Que bacaninha!

Agorinha eu li uma notícia com a seguinte manchete: CAIU ORLANDO SILVA Oxente, já não morreu faz um tanto, o Cantor das Multidões? Mas logo recobrei o bom senso e lembrei-me do Orlando Silva em questão, o Ministro dos Esportes. Parece que ele conseguiu o malabarismo de ajudar as ONGs com verba federal. ONG não quer dizer ORGANIZAÇÃO NÃO GOVERNAMENTAL? Talvez todos eles (quem ofertou, quem aceitou, quem solicitou) tenham se confundido, né? Como eu faço pra tornar a me surpreender com esse tipo de notícia? A impressão é de que agora os conceitos se inverteram, o mundo político é formado por gente sem um pingo de escrúpulo, até que se deseje provar o contrário. Sim, porque desde que a falcatrua alheia não atinja a minha sagrada rotina, não tem problema, é mesmo assim o andar da carruagem, eles estão lá pra isso, pra cumprirem sua missão em desonestidade. Fico brava mesmo é quando vejo a fila do Bolsa Família e todos aqueles miseráveis que não querem trabalhar indo buscar mesadinha a partir do impostos pagos por mim. Não é assim o pensamento? Quem vai se importar então com trapalhadas ministeriais? Quem se importa se vamos pagar uma Copa do Mundo pro Ricardo Teixeira posar de todo poderoso no planeta inteiro? E daí se sustentamos os parlamentares mais caros do mundo (fato) com seus auxílios moradia, Daslu, Fernando Almeida, drenagem-linfomaníacas, todos confortáveis em seus gabinetes luxuosos, trabalhando quando não tiver nada melhor pra fazer? Deixemos pra lá essas tolices corriqueiras, continuemos a não gostar de política... Como se não fôssemos nós que fizéssemos a política. Esses filhusdiumaégua não foram parar lá sozinhos. Por que nos conformamos? Descanse em paz, Orlando Silva. Aproveite dos bônus aos quais o senhor certamente foi obrigado a aceitar. Quem não aceitaria? Nós compreendemos.

Ontem fui novamente à Maceió. Dessa vez fiz um caminho diferente, não vi os bois penduradinhos. Lamento. Gosto de vê-los e filosofar sobre o nada, olhando suas imagens branquinhas lá de longe. Ontem fui novamente à Maceió, ao Hospital Universitário cuja privatização (de todos pelo Brasil afora) foi aprovada pelos políticos que ajudei a eleger. Me pus a pensar como será não poder mais contar com um hospital que, se não funciona perfeitamente, já que é parte do caótico sistema nacional de saúde, ao menos cumpre de forma guerreira a função de não deixar ao léu pacientes de um estado inteiro.

Cá estou eu com esse papo chato de política outra vez. Não é da nossa conta, esqueci-me por um instante.

O bom é que fui novamente à Maceió e pasmem, fiquem felizes por mim: a consulta não havia sido no dia anterior. Bem quis contar isso pros bois branquinhos e pendurados feito estátua nas colinas, mas eles não estavam.

Para o Orlando Silva não mais governamental, o seu homônimo Cantor das Multidões.

Uns beijos procês.


14 comentários:

  1. Ótimo texto como sempre, e que bom que vc participou da paralisação até as 10 da manhã, aqui em Brasília além da paralisação tá em estado de greve os professores, e Orlando Silva é xike dimais, ainda escrevo sobre ele também, beijão Mi :-)

    ResponderExcluir
  2. Não sabo se tão tirâno uns pra ponha otrôs que vestem as casacas... ou não?.. não sei!!!... rss

    Mas por tua viagem de ver boizinhos me fez pensar...Assim:

    "Ela teimou e enfrentou O mundo
    Se rodopiando ao som Dos bandolins"

    Deussssssskiajude
    Beijokitos Facebookais.. rss
    Tatto

    ResponderExcluir
  3. Hilário o "refleti até as dez horas'... só vc mesmo, viu? kkkkkkkkk
    Bom demais estar aqui minha ídola e prima Milene. Vc é excelente em tudo o que faz, por isso faz jus a tantos amigos e aos seguidores que como eu te aplaudem.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Sábios boizinhos, aderiram à greve. Devem estar pleiteando uma aposentadoria mais tardia...
    Ô Mimi, fui lá na Regina e fiquei preocupado... cuméquitão seus pulmões?
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Sempre legal os teus posts... E criticos...

    Reflexão...

    ResponderExcluir
  6. Milena..ainda bem que vc não errou a data esta vez! rs
    Ta td bem né?

    Até nesses textos con conteúdos mais sérios voce consegue botar o humor que lhe é caracterisco.

    Acho que vou adotar se bacaninha...rsrs

    Um beijinho..

    ResponderExcluir
  7. Rs

    Milene, se ONG não for mesmo Organização Não Governamental, o que pode ser? Céus, como estou desatualizada!

    :p

    O Orlando Silva cantor é luxo, esse sim.

    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  8. Vou ficar só com o Orlando cantor, posso? O outro dispenso, acompanhado desses tantos Silvas que envergonham os milhões de brasileiros que carregam, com dignidade, em seus nomes o mesmo sobrenome.
    Beijuuss Mi_amaaada n.a.
    P.S:fiquei felizzzz que não houve boicote dessa vez! E que siga assim...rumo a meta final!

    ResponderExcluir
  9. Pois é, Milene, aqui no Rio, o hospital Universitário vai acabar desabando sobre os poucos pacientes que ainda pode receber. Tem até caixa-d'água estourando e virando cascata. Acho que a solução é mesmo uma implosão e a construção de um novo, para dar vez às empreiteiras e às propinas, como é de praxe.
    Quanto ao Orlando Tapioca Silva, já foi bem tarde!
    O próximo dominó da fila, please!
    Dilma vai ter muito trabalho para desmontar a quadrilha que herdou do "cara"...
    Mas, que bom que você acertou o dia da consulta!
    Kkkkkk!
    Gostou da nova risada?
    Beijo, menina invocada!

    ResponderExcluir
  10. Olá querida Milene, parabéns pelo seu texto, uma reflexão verdadeira, não temos como fugir dessa "maldita" política tupiniquim...vida que segue! Agradeço sempre sua gentil visita e comentário.

    forte abraço

    c@urosa

    ResponderExcluir
  11. Ola querida lembra de mim pois é estou de volta...

    Infelizmente é escândalo atrás de escândalo mas fazer o que né sinto um pouquinho ou muito de culpa nisso afinal somos nos que colocamos essas pessoinhas lá, mas brasileiro tem memoria curta até a próxima eleição cá estaremos nos votando nos mesmos indivíduos...aiai que dó que dó
    beijos querida e aparece lá
    http://nelmanogueira.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Que texto hein

    estava visitando alguns blogs e encontrei o seu blog adorei...
    Já estou seguindo

    http://marifriend.blogspot.com/
    @Storieandadvic
    Espero sua visitinha, adoraria que você seguisse também.
    Beijo

    ResponderExcluir
  13. Mi..achei bem "bacaninha" seu cha da tarde com a Lu..rs

    beijinho....

    vc pode me escrever um email para eu ter acesso ao teu?

    mdfbf@uol.com.br

    bjin

    ResponderExcluir
  14. Bacana mesmo... acidez crítica que eu adoro, pq não poupa nem a nós mesmos que reclamamos deles...
    beijãooooo moça...

    ResponderExcluir