domingo, 13 de novembro de 2011

A DANÇA

Em silêncio, me chamou pra dançar. Os olhos ternos me sorrindo, a mão aberta esperando a minha... Por instantes apenas o encarei. Sabíamos, os dois, dos riscos imediatos camuflados nesse ato supostamente tolo. Era uma dança apenas. Um homem e uma mulher submersos em ritmo e som... Perdidos um no outro, pela breve eternidade daquela música.

Em silêncio conduzi minha mão à sua. Seu polegar deslizou sobre minhas unhas vermelhas em harmonia com o vestido do mesmo tom, ambos contrastando com a brancura da minha pele. Beijou-me os dedos, me sorriu um riso doce em sinal de aprovação e eu não pude mais esperar... Levantei para ele, para a dança.

Nossos pés nus passearam pela grama banhada no orvalho da noite exuberante. Valsamos pelo jardim sob a cumplicidade das estrelas. Valsamos mudos, dançamos cheiros e toques, rodopiamos quereres...

Ele estava especialmente lindo naquela camisa branca, num desalinho charmoso de fim de festa e sabia como conduzir minha alma pelo jardim. As estrelas lá no céu cintilavam inquietas. Pareciam querer me roubar o par, invejosas de tamanha sintonia. Esconderam-se todas e nós, absortos, sequer percebemos que ao invés delas, neste instante caía sobre os dois corpos cálidos uma chuva fina que em breve se metamorfosearia tempestade.


Vai ter uma festa
Que eu vou dançar
Até o sapato pedir pra parar.

Aí eu paro
Tiro o sapato
E danço o resto da vida

(Chacal)


FORA DE CONTEXTO: AQUI EU ESCREVI PRO BOB...


13 comentários:

  1. Perdidos um no outro...que par melhor que este poderia nesse jardim, dançar???

    LINDO DE VIVER, moça querida...que bom que não pode mais esperar, amei este intenso bailar!!
    Bjo GRANDE!

    ResponderExcluir
  2. Maravilha! Milena meu apoio, te levarei um par extra pra que não pare, rodopie e seja feliz.


    Semana de muitas alegrias. bjos.

    ResponderExcluir
  3. Essa é A DANÇA! Dá-me a honra, senhorinha? É nossa música...
    Belíssimo texto, Mi. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Que linda dança e até as estrelas com inveja?rs LINDO!!! beijos,ótimo feriado!chica

    ResponderExcluir
  5. Esta é a verdadeira dança - aquela que além do corpo há também a alma...
    Lindo demais!!
    O vídeo é maravilhosos.
    Abraços, minha querida

    ResponderExcluir
  6. lábios convidativos, batom a provocar,
    um brilho, silêncio, troca de olhar
    uma música na vitrola a tocar
    sem convites, instinto,
    braços se envolvem numa dança
    sem palavras, nascendo um novo amar

    ResponderExcluir
  7. Que lindo! Deu pra setir o ritmo dessa dança!
    Que delicia que é dançar com alguém logo abaixo das estrelas, num jardim assim como vc pintou!
    Encantador esse texto!
    Beijos! Excelente semana a vc!

    ResponderExcluir
  8. Minha nossa, deu pra imaginar as cenas certinho. Gostei deste texto, querida.
    bjOus

    ResponderExcluir
  9. "Abra suas asas
    Solte suas feras...

    E leve com você
    Seu sonho mais lou
    Ou, ou, ou, louco...

    A gente às vezes
    Sente, sofre, dança
    Sem querer dançar...

    Dance bem
    Dance mal
    Dance sem parar
    Dance bem
    Dance até
    Sem saber dançar..." Estrelas invejosas?! Deixe-as lá em cima só iluminando seus passos.
    Beijuuss,Mi_amada, n.a.

    ResponderExcluir
  10. Olá Mi

    Nem precisa de música para dançar, quando o coração marca o bit e dois em um, estão rodopiando.
    Que bom o pé descalço no chão, emoção que percorre o corpo subindo e deixa a cabeça zonza.
    Ai, ai...

    Sapato só atrapalha né?

    Beijo e kandandos meus a atravessar tanto mar...

    ResponderExcluir
  11. Homem charmoso, sedutor, bom dançarino E AINDA USANDO CAMISA BRANCA???!!!

    Morri!

    Rs

    Beijos, lindona!

    ResponderExcluir
  12. Uma atmosfera de sonho, como só você soube criar e descrever com tanta perfeição...
    Abraços, Milene!

    ResponderExcluir