terça-feira, 13 de dezembro de 2011

AGORA, NÓS...




Há dois anos entrei nesse canto pisando macio, sem fazer alarde para não acordar as palavras alheias, lindamente dispostas em cantinhos vizinhos. Cheguei sem saber direito ao que vim... E fui ficando.

Percebi que era o lugar certo para eu derramar meu riso, lágrima, aflição, urgência, saudade. Meus medos, sonhos, alegrias, frustrações, todos cabiam direitinho nesse espaço e acomodá-los aqui tornou-se cada vez mais prazeroso.

Foram tantas histórias contadas, inventadas, sofridas, engraçadas... Bom mesmo era compartilhar a palavra. Melhor ainda perceber quem chegava e de certa forma carregava um pouco do que lia. Nessa mistura sempre coube gostar, discordar, apoiar, protestar. A interação foi sempre o meu propósito aleatório. Por que sou péssima em organização e planejamento... Eu apenas sigo conforme esteja o tempo.

Quando vi já haviam quase 200 visitas que resolveram ficar. Não fiz festa para eles, apenas sorri e os convidei a entrar. Alguns foram embora, outros se acomodaram na minha sala de estar e eu adoro tal presença. Sem eles, insistir seria tolice. É noite de verão em céu estrelado quando chegam e são generosos, educados, exagerados, amigos, espirituosos, cuidadosos...

Gosto de estar aqui. Escrever me dá a sensação – ilusória, talvez – de liberdade. Posso ir aonde eu quiser através das minhas palavras. Com elas me é possível sussurrar, gritar, protestar, amar e desapaixonar no instante em que os meus quereres exigirem. E me contenta justamente esse caso de amor sem regras, sem amarras, preceitos ou caminhos pré-definidos.  Eu não as quero perfeitas, as minhas palavras... Eu apenas as quero minhas.

É de gratidão o meu sentimento para com esse canto irrequieto. Confiei-lhe os meus devaneios mais loucos e tolos e ele ainda me trouxe amigos. Como posso não amá-lo? Entre ínfimos dissabores, intensos momentos de alegria, o saldo é extremamente positivo. Estarei por aqui até o tempo que eu nem suponho... Estarei por aqui.

Obrigada por cada beijo, abraço, afago, puxão de orelha disfarçado em palavra... Obrigada! E por favor, não me siga, não me espie de longe, não seja um retrato imóvel na minha parede, me dê sua mão, caminhe comigo...

Uns tantos beijos...

19 comentários:

  1. Já dei mão, pé, perna e coração...seria eu da turma exagerada? Ah sou! E adoro ser...da tchurma que veio, leu, se esparramou na sua sala de estar e É alegria e gratidão em tê-la AMIGA! Então, vida looonga e deliciosamente inquieta a essa INQUIETUDE que amo de viverrr. Ínfimos dissabores fazem agigantar sua escrita e explodir inspiração..."indefinidos ladram e Mi_nina ternura passa!".
    Beijuuss, daqueles festivos, n.a.

    ResponderExcluir
  2. De pétala rosadinha a Milene Lima foram alguns(tantos)caminhos a percorrer.

    Lembro bem de quando nos conhecemos. Lembro do fusquinha inquieto levando na bagagem uma menina ansiosa por multidões (de palavras).

    Você chegou de mansinho, garota, e soube com seu jeito ora doce ora azedinho, porém espontâneo, natural e sem máscaras conquistar nossos corações.
    Menina clean, é você!
    amodoru tu, MI Zinha!

    ResponderExcluir
  3. Memem

    eu cheguei pulando pelo quintal de Regina Rozenbaum(tô fora tô dentro), puxei um banquinho, e fui ficando, ficando. Ás vezes falo, outras brigo, noutras fico calada, noutras nem venho...
    Mas sei que estará por aqui, derramando amor, palavras doces, azedas, fazendo-me rir e chorar.
    E que bom que estás..

    amo-te sempre

    beijocas

    Loisane

    P.S. Feliz 2

    ResponderExcluir
  4. Que legal! Parabéns pelos 2 anos e na certa, muitos mais virão! beijos,chica

    ResponderExcluir
  5. Felicitachêichôns.... MilenA

    Nemnumvofalanada.... Sabes que sou o capacho peludo estendido aos teus pés em nossa sala de estar.... O povo pesado e pisante sô!!!.. rss

    Abraço-te e aos tantos que aqui "vivem" de vez, amo-te muié "ispecial".. rss

    Deusssssssssssskiajude
    Tatto

    ResponderExcluir
  6. Oi MIlene..

    Te digo...nesse marzão...chamado blogosfera..
    vc faz a diferença.
    Estou com vc..sempre..te admiro pela tua autencidade, talento, carisma..
    Um beijinho no coração...

    ResponderExcluir
  7. Milene, para mim é um privilégio poder acompanhar teus devaneios, tuas divagações, tuas broncas, tuas piadas, tuas tiradas politicamente incorretas, tua espontaneidade, enfim tudo o que emana desta cabecinha cheia de inspiração!
    Abraços sinceros!

    ResponderExcluir
  8. Adoramos o seu blog,é maravilhoso e sempre estamos por aqui conferindo todas as novidades.
    Super beijos da Glorinha.
    http://sobrincosvendas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. ao acaso entrei por aqui e fui premiado com um cantinho tão gostoso

    ResponderExcluir
  10. ADORO ESSE RECANTO... TEXTOS LINDOS QUE SEMPRE ME EMOCIONAM... CONTINUE CONOSCO MILENE...

    ResponderExcluir
  11. Ô, Miminha, me perdoa!
    Pois mesmo que a ti te doa
    O atraso de um dia ou mais,
    Eu prometo humildemente
    Perante toda essa gente,
    Se isso te deixa contente,
    Não me atrasar jamais!

    Sabe, eu tava tão atrapalhado saltando de um fuso horário para o outro que me perdi...
    E também estava programando umas lindas pernas biônicas pra dançar baião...
    FELIZ NATAL, Inquietude!
    Beijos, Pétala.

    ResponderExcluir
  12. Oi Milene!

    Sou do tipo que "espia de longe, um retrato imóvel na parede" rsrsrs
    Não tenho tanta intimidade com as palavras, e pra não dar mancadas fico quieta no meu canto.
    Mas depois desse apelo, peguei na mão que você estendeu, estou apertando um pouquinho mais forte pra que você me veja rsrs

    Um fofo e carinhoso abraço!!!

    FELIZ NATAL!!

    Bjin

    ResponderExcluir
  13. Daniel (Sub Mundos)14 de dezembro de 2011 23:04

    Parabéns por 2 anos desse maravilhoso espaço. Eu, como sou nômade blogal não sei o que é passar tanto tempo em um local virtual com esse, alías, deixei o sub mundos e estou registrando geral. Bjus.

    http://ere-ge.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Parabéns, florzinha! Vida longa ao blog!

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  15. OI MILENE!
    LEGAL ESTÁS AGRADECENDO A TEUS SEGUIDORES, MAS NA VERDADE O BLOG NOS DÁ A OPORTUNIDADE DE UMA TROCA MUITO VALIOSA,QUANDO VIEMOS TE LER, SOMOS BRINDADOS COM TEUS ESCRITOS E DELES LEVAMOS ALGO,QUANDO ÉS TU QUEM NOS VISITA, VISE VERSA,E ASSIM TODOS SAÍMOS A GANHAR.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Parabéns Mi!
    Sua prosa tem muita autenticidade, é sempre bom passar por aqui... Continue existindo! rs
    Abraço

    ResponderExcluir
  17. E por favor, não canse de nós tb! Ficariamos orfãos de palavras tão bem escritas!
    Mil parabens para vc! Desejo que teu blog cresça muito e um dia te verei no Jô Soares kkkkkkkk
    Beijao!

    ResponderExcluir
  18. O tempo voa, Milene... e quanto mais vivemos, melhor vamos ficando, como esse blog! Quero lhe dar os parabéns por essa obra prima!!

    E aproveito para desejar-lhe um Feliz Natal e um ano novo cheio de emoções, vibrações e comemorações! Que Deus caminhe ao seu lado, hoje e sempre!!

    Beijos,
    Adriano Berger

    ResponderExcluir