sábado, 17 de dezembro de 2011

BAIÃO DE DUAS


Num repente, cantado em funk, sambado
em letras, banhado em sonhos
Nossa amizade é popular brasileira e sem fronteiras
- Arengueira!
- Marrenta!
Desmentimos e não compreendemos
delimitações e bairrismos
Detestamos bandeiras.
Rimos e brincamos no mesmo quintal
Aviãozinho, ou Amarelinha – chegamos 
ao céu
e deixamos no inferno quem divide em
cores e capitais,
tamanhos e classes o que é tão natural
Lá no Nordeste cantarolando o rodo cotidiano do Rio!
Somos todos a mesma gente!
Cantarolando meu povo – ela nem se despediu de mim
Dança um baião arrastado, beija o Nordeste, num cabra da peste
- Caraca!
- Oxente!
E é nessa embolada, que ficamos boladas
Sorrisos e lágrimas e verdades na cara
Esporros, afagos dentro do mesmo prato
- Massa!
- Maneiro!
Rio de Janeiro, Arapiraca... Já é logo ali!
Tudo junto e misturado, a vida, o sotaque
Um colorido estampado, um som cadenciado
- Frenético!
- Arretado!
Ela sorri e acena! Eu escancaro os dentes.
Simone Bonita, Milene Gentileza
Uma letra, uma frase e o mundo se estreita
Na imperfeita condição de amizade
na melhor brasileiríssima beleza.


Por Si Fernandes e Milene Lima                         




15 comentários:

  1. E é nesse baião onde...

    Se elas dançam, eu danço!

    Linduuu di vivÊ.
    DeusssssssskiaConserveAnssim
    Beijos Druprus
    Tatto

    ResponderExcluir
  2. Nestes peitos arretados
    Os Estados da União
    São a União dos Estados
    Dançando ao som do baião,
    Do samba, suíngue, xaxados;
    E Mi e Si, dos dois lados
    São somente um coração!

    AVISO a quem quiser separar Rio e Alagoas: Já ouviu falar no meridiano de Tordesilhas? Pois essas duas, juntas, entortam até o eixo do planeta!

    MASSA, MI! Beijos às duas, muitos!

    ResponderExcluir
  3. Vamos nos unir a cada Dia um pouco mais
    estreitando nossos laços de amizade em longos
    abraços.
    Vamor fazer a diferença na vida de muitos
    que esperam com ansiedade uma palavra de amor e esperança.
    Vamos levar a paz onde persisitir a desunião.
    Vamos fazer uma prece para Deus pois desejamos
    um mundo melhor .
    Embora a própria humanidade perderam as esperanças
    e muitos já não sabe onde ficou sua fé.
    Que seu final de semana seja felicidade suprema.
    Que nossa amizade atravesse fronteiras levando amor.
    Beijos no coração.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  4. Memém

    eu não li um texto maravilhoso sobre amizade...sobre igualdade...
    Eu não li que limites geográficos só existem no papel...
    Eu não li que não há diferença entre eu e tú, entre mineiro e goiano, entre nordestino e o povo do sangue azul...
    Só vim aqui te desejar um feliz natal, e um monte de coisas bacaninhas em 2011..


    beijocas

    amo-te

    Loisane

    ResponderExcluir
  5. O que dizer?

    Só me delicio e abro um sorriso largo aqui, pra amizade de vocês.

    Adoro demonstrações públicas de afeto!

    Beijocas.

    ResponderExcluir
  6. Bom demais! Nesses dias de xenofobia e preconceitos, é bom de se ler! Pediram para Mano Chao definir o Brasil em apenas uma palavra, ele respondeu: Infinito! Eu assino embaixo!

    ResponderExcluir
  7. Ando repetitiva e como ando deixo os caminhos da alegria em Rê_vê-las nessa geografia fraterna sem fronteiras. Baum dimaisss da conta sÔ!
    Beijuuss, estreitos, pras essas amaaaadas minhas

    ResponderExcluir
  8. Olá, querida Sônia

    " Das alturas orvalhem os céus,
    E as nuvens que chovam justiça,
    Que a terra se abra ao amor
    E germine o Deus Salvador"...

    Ontem fui à Niterói e presenciei esse clima misturado e bem brasileiro... Carnaval em pleno Natal....

    Fico tão sem palavra para agradecer o carinho imensurável com que me cumula ao longo do ano que só posso lhe dizer que te amo fraternalmente...
    Seja muito abençoada e feliz, amiga!!!
    Bjm de paz e FELIZ NATAL... apesar de qualquer vestígio de dor em seu coraçãozinho....

    "Quando eu estiver contigo no fim do dia, poderás ver as minhas cicatrizes,

    e então saberás que eu me feri e também me curei."

    (Tagore)

    ResponderExcluir
  9. é isso que nos faz ser feliz ein... vivermos com tantas carências e mesmo assim, gritarmos para todos que somos únicos, somos só um...

    ResponderExcluir
  10. Efeitos da globalização...
    Eu receio pela sorte dos regionalismos...
    Mas, é interessante ver o Rio num quintal em Arapiraca...
    Abraços!

    ResponderExcluir
  11. Mi e Si são amizade,
    A mais profunda e bela;
    Compartilham da verdade,
    Comem da mesma tigela;
    Os seus sonhos são irmãos
    E não se largam as mãos
    Nem pra cruzar a pinguela...

    O posto de segundo piloto continua vago na Es-Sotamer...

    ResponderExcluir
  12. Putz meu... interessante esse post! hehehe

    Excelente semana!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Ficou muito legal esse trabalho à 4 mãos...beijos e tudo de bom nesse Natal, bem iluminado e feliz!

    chica

    ResponderExcluir
  14. Tenho orgulho do meu Rio de Janeiro, amo o Brasil, tenho admiração pela infinita( como disse MANO CHAO,citado acima)diversidade e peculiaridade regionais, as riquezas,belezas,potência de cada região...Valorizar o "regionalismo",não significa segregar. Agrego em mim, sem medo, o amor sem fronteiras por vocês e em especial por essa "arapiraqueira" arengueira,chamada Milene.

    Si.

    ResponderExcluir