sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

ESPERA



Cão vadio, largado à beira dos trilhos... O que espera? A passagem de um comboio que o leve a conhecer o mundo em busca do que ainda não viu? De um vagão qualquer, nesses seus tolos devaneios, descerá o seu sonho, o seu amor? Quem sabe esse amor seja seu antigo dono... Quem sabe seu dono esteja mesmo no tal trem... Quem sabe ele, seu dono, nem se lembre mais de você. Quem sabe? Ninguem! O que todo mundo sabe é que enquanto você se permite deitar à espera, esse trem não para. Entre uma estação e outra, entre invernos e outonos, segue sempre conduzindo, pra lá e pra cá, amores, desamores, oportunidades e vida... Mas não pra quem espera, apenas pra quem embarca. Tudo bem, tudo bem! Já te amolei o bastante, insistindo que você saia dessa inércia. Volta para o seu sono... Volta à sua espera. Mas, é preciso que se lembre,há mais de duas décadas já não há trens por esses trilhos, há vinte e cinco anos já não há a quem esperar...

Por Luck Lemes



Ele me perguntou o que eu via nessa imagem. Falei: “uma varanda, um lugar convidativo, que inspira tranquilidade, uma varanda de uma velha casa”... Me disse se tratar de uma pequena estação ferroviária, lá de São Lourenço, interior das Minas Gerais, onde mora esse meu amigo cuja sentimentalidade é maior do que ele nem supõe. A tal estação foi desativada há mais de vinte e cinco anos e agora serve de refúgio para cães vadios, à espera de não se sabe quem, ou o que... Então ele literalmente retratou o momento, em imagem e palavra. Saiu de improviso o texto acima, com alguns pitacos dessa que vos escreve. Não são raras as vezes em que me pego conversando com o Luck e tentando ter da vida a sua visão. Por que a vida aos seus olhos é tão linda, tão significativa, tão real, ainda que cheia de sonhos...



13 comentários:

  1. Mesmo um vira-latas e uma estação ferroviária abandonada inspiram quem tem o dom.
    Parabéns aos dois.
    Beijos (esses, só para você, Mi).

    ResponderExcluir
  2. Realmente vejo um cachorro curtindo preguiça numa boa, beijão Mi :-)

    ResponderExcluir
  3. Gostei do texto, mas gosto muito do "rafeiro":)!
    Bjo

    ResponderExcluir
  4. Mininu ispetáculo e Mi_nina ternura arrasaram em inspiração. Mexeu com minha inércia... "Mas não pra quem espera, apenas pra quem embarca" Então, bora lá embarcar nesse trem-vida!
    Beijuuss pros dois amados

    ResponderExcluir
  5. Memem

    ainda vejo uma varanda, um lugar preguiçoso, com dois VL's tanto quanto....
    Um lugar para esperar o tempo passar...
    e não é que ele passa??passa tanto que já faz tempo que não há trens...

    lindo texto

    beijos

    Loisane

    ResponderExcluir
  6. Olha, queridos, Mi e Luck, eu sou manteiga derretida quando a coisa vai pro lados desses bichinhos aí, ou de qq outro que seja maltratado e/ou abandonado.

    E teu amigo MI, retratou essa realidade de maneira comovente e me fez lembrar do filme SEMPRE AO SEU LADO,(que chorei) até umas horas... aquele que o cãozinho fica a espera do dono até morrer... affff

    Abordagem muito bem descrita e real.
    bjs aos dois

    Obrigada lindeza, a porta estava só encostada.... rs

    :)

    ResponderExcluir
  7. Vejo o mund passar como passa uma escola de samba que atravessa...Pergunto, onde estão teus tamborins? Sentado na porta de minha casa, a mesma e única casa, a casa onde eu sempre morei.

    É desse jeito, bem assim, algumas vezes esperamos tanto que o que nos resta é apenas a espera.
    Si.

    ResponderExcluir
  8. quanta singeleza



    algumas imagens simples

    causam sentimentos intensos em outras pessoas


    algumas compartilham em palavras

    bjus

    ResponderExcluir
  9. Ahhhh assim consigo comentar, que otimo!

    Amei demais esse post, que sentimentalidade tem essa foto.

    ResponderExcluir
  10. A vida é feita de esperas, mas ninguém quer perder o trem.
    Muito belo!

    Beijo :)

    ResponderExcluir
  11. Lindo texto e inspiradora imagem!Adorei! beijos praianos,chica

    ResponderExcluir
  12. Hehe... Milene sempre generosa... pegou um bloco grosseiro e esculpiu um texto bacaninha e diz que foi só uns pitacos.... fico lisonjeado de me ler no seu cantinho.... beijos Luck

    ResponderExcluir