segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

A MUDEZ E O IMPROVISO



Sábado eu fui almoçar com a Cida e mais a população quase toda lá da roça cibernética aonde ela vem repousar a beleza, feito o Obama quando sai da Casa Branca para uma temporada na casa de veraneio.  É tão bom quando ela sai de trás dessa tela e vem me abraçar. E a gente faz as palhaçadas costumeiras, sendo bem mais prazeroso espiar no seu zóio d’água.  E estavam os primos todos. E foi bem massa.

No mesmo sábado, no final da tarde, eu estava num boteco bacaninha que tem por aqui. O nome é deveras sugestivo, se chama Escritório, pensado no intuito de fazer os moços dizerem às suas esposas, quando caçados via telefone: "estou no Escritório, chego já, já"... Só não sei como explicam o barulho ao fundo. Fui rever amigos e rir... E conversar. Adoro essa prática, me faz sentir vivinha de Lima Silva, sem precisar atravessar porta nenhuma... Né, Rodolfo?

Me faltou tomar aquelas cachacinhas de nomes bonitinhos: café com leite, Gabriela, chicletinho... Viciantes! Dessa vez, porém, o bom senso gritou pra eu me proteger, a Vê anda insuportável, mas não darei audiência pra ela... Só lhes comento sobre a dita cuja depois de enviá-la pra guilhotina, o que será em breve. Visitas dominicais ao Pronto Socorro não é um programa pra se chamar de agradável. O bendito equilíbrio, o riso do sábado, misturando-se com o choro de domingo. Equilíbrios são chatos. Por que todo o tempo não pode ser pintado em riso?

Será que alguém ainda se dá conta de quando mudo o meu layout nesse canto irrequieto? É parte da minha insanidade, já me conformei. Vou mudar tantas vezes que nem sei quantas, é só me dar na telha de achar um layout lindo e de repente começar a repará-lo enfeitado demais, colorido demais, impessoal demais. Poucos viram o último. Muitos verão este, porque pretendo demorar com essa vestimenta por um tempo. Um tempo é suficiente, não é?

Antes de partir (por hoje, não vou atravessar a porta fechada ainda), compartilho uma música pra alegrar nossa segunda-feira abençoada.

Uns beijos.
Dançam comigo?
Me abracem!





12 comentários:

  1. Abro-te, minha Miminha, as portas do meu Sete Ramos, as da minha vida e as do meu coração. Mas proíbo-te a entrada na má companhia desta Vê caprichosa e sadomasoquista. E mando à tua família um abraço grupal, e a ti um beijo.

    ResponderExcluir
  2. Memem


    Cigana Virtual amada minha

    gosto mais da pintura da casa assim...
    tomei um ódio da sua Vê!!!
    Gostei de ver seus sorrisos no escritório....
    Gosto de você..não..não AMO-TE

    Gostei da poesia...eu também se vivesse de novo faria outras tantas coisas que não fiz...

    beijocas


    Loisane

    ResponderExcluir
  3. Foi um prazer conhecer suas coisas da alma...
    Vim para ler respondendo a seu convite mas não encontrei, será que sumiu nos espelhos do Borges?
    Vou seguindo o seu relicário e espreitando os outros com muito prazer
    Beijinho

    ResponderExcluir
  4. MilenA, se aqui tivesse um "escritório" iria combinar com o lugar que estava a pouco antes de ler-te.
    Eu tava no "Trêm Lotado"... Um boteco mó agitado aqui...
    Pois é, se chego ou se atraso... É sempre pusquê eu tava no Trêm Lotado... kkkkkkkk

    P.S.- Já comprei uma SASSAZAKI procê... Falta só tu quebrar a parede.... kkkkkkkkkkkkk

    Beijo
    Tatto/Xipan

    ResponderExcluir
  5. Olá, querida
    Isso é que é o bom do blog... poder ser do nosso gosto sobretudo...
    Bjm de paz e alegria este início de ano.

    ResponderExcluir
  6. Aqui em são paulo as cachaças não tem codinomes tão delicados...(Gostei de Gabriela)

    Saudades suas ,dançarina !

    Um beijo !

    ResponderExcluir
  7. Ué? Pq eu reparei na mudança da casa tomo esse puxão de orelhas? "Poucos viram o último." Intendi naum...recolho-me e prometo, solenemente, nunquinha mais falar nadica (do que gosto, ou desgosto, ou sinto falta). Agora dizer que adorei vê-la feliz nesse escritório posso? Pronto falei!
    Beijuuss n.a.

    ResponderExcluir
  8. Lindos sorrisos , lá em GYN também tem um escritório! ah não... To cum sodade de lá...
    Mas também nem ia adiantar né? Quando estava lá
    eu nem vivia , melhor ficar por aqui mesmo rsrrs
    Esse inquietude inquieto, fica cada vez mais inquietante srrsr adooooro, e essa sua avê ganhou
    uma inimiga...
    Te abraço linda minha.
    Uns beijos meus pra vc..

    ResponderExcluir
  9. Seu blog ta uma graça. Suave,,,amei!!
    Falando em buteco..me fez lembrar meu avô ( ja ta no céu ), Ele tinha um que chamava "ultimo trago".
    ficava na saida da cidade ( a cidade tinha 2.000habitantes. ).
    E eu pequei....eu era criança..e lembro que pegava doce escondido....nem vou escrever rsrs pq nem é engraçado.

    Amei te ver feliz....

    Um beijinho...

    ResponderExcluir
  10. Está tudo mais belo por aqui!!! Que beleza reuniões assim...
    Abraços, menina!!!!

    ResponderExcluir
  11. Eu bem que gostaria de estar naquele boteco com vocês, provando as tais cachacinhas com nomes engraçados...
    Eu acompanho as tuas insistentes mudanças de leiaute, e algumas muito bem boladas...
    Goatei dessa padrão meio anos 60...
    Abraços, Milene!

    ResponderExcluir