sábado, 25 de agosto de 2012

DE MADRUGANDO


A madrugada se apronta pra tomar o seu posto, num poético retrato cotidiano. Chega dizendo do frio solto lá fora e da precisão de procurar o sono. À espreita, a chuva espera a vez de entrar em cena e se derramar sobre os telhados, cobertores de corpos adormecidos e exaustos. A televisão tenta quebrar a poesia contando notícia ruim a quem só deseja canção de amor. Há lirismo demais na madrugada para um vivente perder minuto cuidando de assunto feio. O tempo dela era pra acontecer em verso feito de orvalho, em flor nascendo escondida, no silêncio do pedaço grande do mundo dormindo.





11 comentários:

  1. A madrugada e seu mistérios, que só os olhos de coruja podem ver!

    Bom final de semana


    abraços

    ResponderExcluir
  2. De madrugando e te inspirando muito bem sempre!!!beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Pois é querida amiga Milene, a madrugada gostosa sempre inspiradora, ainda mais com essa maravilhosa música na foz da Marisa invadindo nossa alma, lindo, lindo.

    forte abraço e saudações alvinegras.

    c@urosa

    ResponderExcluir
  4. Madrugar é bom demais! Me inspira o silêncio do pedaço grande do mundo dormindo.
    Beijos, moça madrugadeira!

    ResponderExcluir
  5. Os melhores perfumes estão em pequenos retratos da madrugada. "...era pra acontecer em verso feito de orvalho, em flor nascendo escondida, no silêncio do pedaço grande do mundo dormindo."
    Você devia estar presa por subverter em prosa esta poesia.

    Beijos, minha querida.

    ResponderExcluir
  6. http://mattax-mattax.blogspot.it/ bye bye ridicule

    ResponderExcluir
  7. A madrugada guarda mistérios, o silêncio humano da lugar ao barulho da natureza, la fora fluem a luz da lua e as estrelas pedem lugar, oras vem o vento repentino, oras somente o sopro do luar, desligue a tv menina e vá poetizar , pois em tuas palavras vejo sensibilidade transbordar...

    Beijos e como sempre fico boaquiaberta com suas palavras

    ResponderExcluir
  8. Nunca tinha visto uma madrugada mais lírica...sorve-la deixou em mim o gosto bom das coisas doces...inspiradora e ternurenta madrugada desta moça querida!

    Bjos

    ResponderExcluir
  9. A madrugada sempre gera belas reflexões, belos textos, belo silêncio, enfim... Adorei, Milene. A madrugada costuma ser a inspiração de muitos blogueiros. bjssss

    ResponderExcluir
  10. Oi, Milene. Quando se tem tempo para contemplar a madrugada, é sinal de que algo muito intenso está se passando por dentro. Lindas palavras, um abraço e boa semana!

    ResponderExcluir
  11. Hehehe madrugar pra mim só em festas ou vendo minhas séries até tarde porque acordar cedo demais tenho medo. Kkkkkkkk
    Gosto demais do meu travesseiro e nao madrugo nunca!!!! Beijooooos dessa Maria preguiça aqui kkk

    ResponderExcluir