sábado, 18 de maio de 2013

MÚSCULO



Tolo e vadio
menino indolente
esse tal sujeito, coração
Mora num canto grande
do lado esquerdo do peito
o músculo involuntário
da canção

Afeito a delírios e sonhos
suspeito de crimes de amor
jura inocência
suplica paixão
se fere de morte
desfaz-se em pedaços
rubro, teimoso, refaz-se urgente
e afoito, ignora a ilusão


insano
imperfeito
inteiro ou não
do começo do dia
até a última hora
inconsequente
e valente
coração


15 comentários:

  1. Que lindo,Milene! E que ele se comporte sempre certinho, do início ao fim, em todos os sentidos! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. MíLi minha amiga! Que lindo texto!
    Apaixonante e feliz. Gostei demais minha amiga. Show!

    ResponderExcluir
  3. Que lindeza de poema, Mi!

    Esse músculo precisa ser bem forte pra suportar tanto sentimento.
    Passando também pra te dar um beijo e desejar um ótimo findi!

    bacios\O/

    ResponderExcluir
  4. E por falar em paixão
    Esta tua poesia
    Me bateu no coração,
    Me causou taquicardia.


    Beijos, menina.

    ResponderExcluir
  5. " Abençoados os corações flexiveis;
    Pois nunca serão partidos. "
    Albert Camus


    beijo

    ResponderExcluir
  6. Ele é mesmo valente. Leva muitas bordoadas e se mantém inteiro. Sabe que é nosso guia e que de lá brotam sorrisos e lágrimas, mas sabe também que precisa estar pulsando para satisfazer os que não brigam com a sensibilidade. Muito belo, Milene! Bjs.

    ResponderExcluir
  7. " Abençoados os corações flexiveis;
    Pois nunca serão partidos. "
    Albert Camus tive que copiar da amiga ᄊム尺goん pq é perfeito para tua poesia.
    mudou o layout? penso que sim. gostei muito, discreto. vou dar minha opinião, vc sabe que sou assim metida. o título músculo, não é poético o suficiente para definir teus versos repletos de belos sentimentos. o coração é comprovadamente um chacra e divide sentimentos com o cérebro... bjs

    http://eubipolarbuscandoapaz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Arrasou.

    Nem sei mais o que dizer.

    bjos,

    borderline-girl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Coração, para que vos quero?
    Para viver em mais alta instância.

    Beijo :)

    ResponderExcluir
  10. continue batendo para q esse músculo nunca fique duro enqto houver ternura. Bjos.

    ResponderExcluir
  11. "Bum- bum- bum...bate coração" e guenta tanta lindeza de viverrr!
    Beijuuss

    ResponderExcluir
  12. Linda poesia, Milene! E que continue batendo e valente! bjsss

    ResponderExcluir
  13. Por mais diferentes que sejamos, por mais variados os modos de amar... acho que todo mundo vai se identificar com o que vc escreveu. Todos temos o coração assim, por mais máscaras que possamos usar.

    ResponderExcluir


  14. Lindoooooooooooooooooooooooooo!

    Beijão.

    ResponderExcluir