quinta-feira, 18 de julho de 2013

BOA NOITE

imagem de

São dez e quarenta e seis da noite. O ASA acabou de levar um gol do fRamengo. O Miguel estava agorinha dormindo no meu peito, que assim desinteressantemente eu considero o colo mais fofo que ele provará na vida e o Obama provavelmente está praticando espionagem telefônica e internética.

Sobre esse último assunto, aliás, penso cá com meus botões debochados que o governo brasileiro gostou país estar entre os espionados pelo Big Brother United States. Pintou até uma vaidadezinha e a falsa sensação de importância. Devem ter pensado os mandatários da nação: “se nos estavam espionando, é porque somos perigosos que só”... Só que não!

Obama deve espionar e rir do quanto o Brasil é perigoso pra ele próprio. É tanta trapalhada e bizarrice, é tanto político tomando pra si o país e fazendo dele a sua laje pra uma churrascada no fim de semana, que Obama não deve se dar ao trabalho de levar a sério as pataquadas, pois sabe que o estrago é feito pelas próprias mãos da terra. Será que ele leu sobre o moço que tentou pagar os serviços de uma moça quenga, com o cartão do Bolsa Família? Deve ter se lascado de rir... Será que ele viu que os nossos representantes na Assembleia Legislativa rechaçaram a proposta de considerar hediondo o crime de corrupção? Obama deve ter agradecido a Alá o fato de não serem seus esses parlamentares, pois com um quinhão tão generoso que doam a si próprios, como sobraria dinheiro para armar a americanização no mundo?

Mas, sério, eu ouvi de fontes seguras que haverá uma célula bomba em cada email ou postagem em rede social, contendo aquelas correntes prometendo 0,5 cents por compartilhamento. Acho digno, Obama.

Se rolar câmera escondida lá da Casa Branca, o Presidente do mundo deve ter visto quando um dia eu acenei e sorri para um taxi que não era meu. Sim, contei isso dia desses por aí. Sim, o senhorzinho me pediu um ponto de referência perto da minha casa e estaria lá em segundos, pois já rodava na minha rua. Respondi-lhe, ao celular, que parasse depois do quebra-molas, e assim foi feito, segundo ele me respondeu numa outra ligação. Na calçada, vendo um carro parado aonde eu havia indicado ao taxista, desandei a acenar para que ele viesse até a minha calçada e o homem sentado à direção me espiava, sério, aparentemente não assimilando os meus sinais. Não me fiz de tímida e continuei acenando, gesticulando, tentando fazê-lo ligar a porcaria do taxi, que por sinal nem placa luminosa de taxi tinha, e rodar um pouco até a minha porta. O homem apenas me olhava, aumentando o arregalar dos olhos, quando uma mulher que comprava pamonha abriu a porta do carro e sem cerimônia, entrou. Passou por mim aquele carro prata, sim, outra vez prata, com o motorista me olhando e talvez pensando se tratar de uma louca absoluta, quando atrás do seu carro, paradinho da silva, encontrava-se um taxi que até então estava longe das minhas vistas.

É feio rir da falta de noção alheia, já adianto. Só o Obama pode rir.


Vamos dormir? Boa noite Mary Ellen. Boa noite, John Boy. Boa noite, Obama.


11 comentários:

  1. Bom dia muier. Eu tenho um colega q não é tão moderno q esse molso de pagar a prima com Bolsa Família, pois ele pagpu com Vale Refeição, e é o correto, afinal ele comeu, ou não? Vou parar aqui, pois tou rindo à toa. Será por quê? Bjos.

    ResponderExcluir
  2. Muito bem pensado Milene, chega a dar uma vaidadezinha nos brasileiro, mesmo que seja em algo "negativo", como espionagem! Abração amiga

    ResponderExcluir
  3. Mas a gente gosta! "Galvão, filma eu", "Tô na Globo", claques de auditórios, fila de candidatos ao BBB... tem até gente que paga pra ser espionado.
    Oops! Melhor calar a boca - vai que a CIA esteja monitorando o "Inquietude"... vai que resolva abrir uma linha de crédito para financiar encomendas de xeretagens no Face...
    Ou vai que "Milene Lima" seja um codinome!
    Beijos super-secretos, Mi.

    PS: Este comentário se autodestruirá em dez segundos... nove... oito...

    ResponderExcluir
  4. Claro que a Milene Lima é um codinome! Tanto que, se ler ao contrário, fica a mesma coisa! Ela é uma agente da CIA, disfarçada de dissidente cubana!
    Pagar quenga com bolsa-família é menos chato do que pagar tapioca com cartão corporativo do governo! Essa história da espionagem dos gringos na terrinha parece aquele filme "O Rato que Ruge".
    Acho que a moça (a de Brasília, não a de Arapiraca) pirou de vez...
    Aqui no Rio, parece que estão chegando à conclusão que enfrentar marginais armados com coquetéis-molotov, pedras e estilingues usando flores, pão-de-ló e beijinhos não dá certo...
    No meu tempo era com cassetetes e gás lacrimogênio!
    Bjs, Milene!

    ResponderExcluir
  5. Oi Mi

    E ainda tem gente que fala em privacidade na internet, vão sonhando
    que Tio Sam os acorda.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. O que eu acho mais legal é que você sabe usar o "só que não" no momento certinho, hahaha. Bem a cara dos brasileiros se acharem importantes por estarem sendo espionados. Quanto ao táxi...sem comentários, hahaha. Eu tenho feito cada uma de dar dó...será que dá pra por a culpa na idade?
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  7. Hehehehehehhe MíLi! Vc é um barato e suas crônicas mais ainda! Parabens minha amiga!
    Cada vez que venho aqui, saio feliz e contente!

    ResponderExcluir
  8. SENSACIONAL!!!!!!!!!!!!!! hahaha

    Coitado do Obama, deve ter se decepcionado tanto com o resultado da espionagem que deve tá arrependido até agora...

    E esse quadrinho é MUITO bom! rs bjão e bom fim de semana.

    ResponderExcluir


  9. Suas crônicas são as melhores.


    só rindo....


    beijo

    ResponderExcluir
  10. Milene!!!!!!

    Olha essa frase tua: Obama deve espionar e rir do quanto o Brasil é perigoso pra ele próprio.

    Você falou tudo aqui e quase me matou de rir! É isso mesmo, nós só sabemos melecar nossa casa! Eles devem rir da gente!

    Adorei!
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Eu ri de novo do táxi. Sorry!
    Mas essa história de pagar quenga com cartão do Bolsa Família eu não sabia, hahahahahaha.
    Bejus

    ResponderExcluir